A Agrocera, Indústria Comércio e Exportação de Cera Vegetal, é uma empresa de beneficiamento e comercialização de cera de carnaúba que atua no mercado externo com clientes nos continentes da América do Norte, Europa e Ásia. Fundada em 2007 no Sítio Borges, zona rural de Russas, a empresa fica localizada em uma área estratégica, considerada uma das regiões que tem maior produção de cera de carnaúba do estado do Ceará - Brasil.

Marcelo Carvalho Sombra, Diretor-Presidente da Agrocera, é natural de Russas, filho de Joaquim Carvalho Sombra e Maria Nilza Sombra, idealizadores das instalações iniciais por volta de 1951. Dono de um otimismo incurável e de um bom humor inabalável, Marcelo Sombra é visionário, empreendedor, e está constantemente sintonizado com as demandas do mercado. Ao cursar Administração de Empresas percebeu que o negócio iniciado por seus pais precisava se modernizar e alcançar novos objetivos. Introduziu mudanças administrativas e a efetivação de práticas que tem foco e compromisso com a sustentabilidade. No ano de 2014 a empresa iniciou a construção de sua mais nova unidade, a Agrocera Piauí, instalada na ZPE Parnaíba no município da Parnaíba.

Na Agrocera o processo de inovação é constantemente desenvolvido, aperfeiçoado e introduzido em nossos produtos para que possamos oferecer alta qualidade e valor agregado. É parte da nossa estratégia, aprimorar e incentivar relações com nossos colaboradores, através de práticas de gestão que possibilitam um ambiente de trabalho tranquilo, produtivo e eficiente.

Enquanto empresa, temos consciência do nosso papel na sociedade, por isso temos o compromisso de fortalecer o desenvolvimento sustentável de toda a cadeia produtiva para que possamos valorizar e preservar relações de longo prazo com nossos clientes, colaboradores, fornecedores e comunidades locais.

ORIGEM

A cera de carnaúba é originária das folhas da palmeira Copernicia Prunifera, uma planta nativa do Brasil, que se desenvolve principalmente no Nordeste do Brasil, nos estados do Ceará, Piauí, Maranhão, Paraíba Rio Grande do Norte e Bahia.

EXTRAÇÃO

A cera é extraída da folha da palmeira em forma de pó, subsequente a um processo de beneficiamento e refinamento para ser comercializada.

UTILIZAÇÃO

A cera de carnaúba é um produto consumido em vasto e variado número de indústrias como, por exemplo, a automobilística, farmacêutica, cosméticos, emulsão para frutos, produtos de limpeza, entre outras.

A Empresa AGROCERA segue as descrições técnicas dos Procedimentos Operacionais Padrões - POPs, e executa as suas atividades que realiza durante o processo de produção e produto final nas Ceras T-1 T-3 e T-4, objetivando obtê-los com os padrões de qualidade exigidos pela Legislação vigente: Resolução RDC 48/2013 que institui as Boas Práticas de Fabricação o qual contempla os aspectos para a fabricação e validação dos processos com Qualidade Total.

POLÍTICA DA QUALIDADE - A AGROCERA adotou como Política da Qualidade o compromisso de satisfazer os seus clientes, através da qualidade, atendimento, pontualidades, melhorias contínuas, e inovando sempre.

POLÍTICA AMBIENTAL - A AGROCERA se compromete com o Meio Ambiente atendendo a Legislação Ambiental vigente e conscientizando os seus colaboradores no cumprimento do PGRS - Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, tanto no local de trabalho quanto nas suas atividades fora da empresa.

POLÍTICA DE SEGURANÇA E SAÚDE - A AGROCERA se preocupa e têm procedimentos internos para proteger a integridade de seus colaboradores, conscientizando a todos no cumprimento desses procedimentos.